MEO? Nunca na vida!!!!

Aviso: Este artigo é um desabafo e uma reclamação contra a MEO, por isso considerem evitar ler caso sejam clientes/simpatizantes desta empresa.

Começo por dizer que não sou, nunca fui e nunca serei cliente directo da MEO!!!

Explicando como esta história toda começou... há alguns anos, no tempo antes da crise e quando nos bolsos dos portugueses ainda costumava existir aquela coisa a que se chamava dinheiro, eu quis oferecer aos meus pais algo de diferente do costume e lembrei-me de lhes mandar colocar na quinta onde ainda hoje vivem televisão por cabo ou neste caso, por satélite. Tratei de tudo e como queria que fosse surpresa coloquei no meu nome e até paguei uma mensalidade, se bem me lembro... mas tudo o resto e o que fariam a seguir já não seria da minha conta, ou assim pensava eu na altura...

Nestes anos todos, tudo correu bem e os meus pais andavam satisfeitos, alteraram os pacotes conforme queriam sem grandes confusões e sempre foram bem atendidos no apoio ao cliente quando precisaram.

Satisfeitos de tal maneira que quando a minha mãe decidiu aderir à modernidade que é a Internet, pediu à MEO informações para saber qual a melhor maneira de ter a dita cuja numa quinta afastada de tudo.

Mais uma vez tudo correu bem, adquiriram uma pen com Banda Larga Sapo, para a qual pagavam um valor pré-estipulado mensalmente. Valor esse que seria sempre igual.

E aqui é que a porca torceu o rabo.

Ao fim de quase dois anos que a pen de Banda Larga acedeu à internet sem dar qualquer problema, factura sempre paga a tempo e horas e coisa e tal... no inicio deste mês de Junho do ano de 2014, veio uma factura à parte da que é costume vir todo o mês com um valor de €25,01 e onde na descrição aparecia que era por serviço de comunicações. :Z

Primeiro pensamos ser engano, mas após ligar para a MEO foi-nos dito que era a subscrição de um serviço dum tal de Club Download. Tentando saber mais sobre o que se passava, a minha mãe ligou varias vezes para a MEO e cada vez que ligava davam-lhe uma resposta diferente. Ora era que ela tinha pedido um serviço, ora era que fez chamadas de voz com o cartão, ora era porque pediu um segundo cartão (na verdade, ela pediu informações sobre essa possibilidade alguns dias antes desta trapalhada começar), enfim... começou a feder. A minha mãe ficou danada com eles, dirigiu-se à loja da MEO para mandar retirar todos os serviços da empresa de casa, mas como o contracto ainda estava em meu nome disserem-lhe que para isso teria que ser eu a ir à loja tratar disso.

E assim começou a minha parte nesta história. Ora eu desde há uns tempos para cá vem aumentando a minha, não digo raiva mas para lá caminha, pela MEO. Desde os pedidos insistentes nas chamadas sem numero para o telemóvel (aparentemente o meu numero pertenceu a algum cliente deles antes de eu comprar o telemóvel) até algum dos seus colaboradores virem bater-me à porta depois das onze da noite. Quer dizer, entendo que um tipo (ou tipa) precisa de trabalhar mas há limites, caramba. Já me bateram à porta ia eu a entrar no banho. x«

Então cair-me em mãos esta situação, nem falo. Comecei por fazer uma rápida pesquisa online e vim a descobrir que este tipo de situação já aconteceu a muita gente, ou seja é algo a que a MEO já deveria estar de sobreaviso e a tentar descobrir o que passava. Só para terem uma ideia, aqui fica alguns links do que falo:

No ultimo link, até podem ver onde alguém comentou colocando ainda mais links sobre o assunto.

Mas sem querer ainda colocar queixa nesse portal, principalmente por ser necessário registar-me e isso é algo que evito fazer hoje em dia (quero manter a presença online ao mínimo, uma das razões porque eliminei praticamente tudo sobre o OCP ainda não há muito tempo), embora hoje mesmo me tenha dado a esse trabalho e também eu apresentei queixa contra a MEO nesse portal. Mas vamos por partes...

Ao descobrir sobre estas outras situações praticamente idênticas à que estava a passar a minha mãe, lá fui eu à loja da MEO tal como haviam dito que eu tinha que fazer se queria resolver a coisa, neste caso o que a minha mãe já queria era completamente terminar qualquer relação comercial com a MEO. Só isso foi uma autentica tortura. Saí do trabalho para ir ver o que se passava, pensando que ia demorar no máximo uma hora, acabei estando fora o resto da tarde de trabalho.

É que nem imaginam o quanto os tipos da MEO são melgas, são como parasitas que quando agarram um gajo, custam a largar. Acho que nem com aguarrás a coisa despega. Não me estou a referir ao pessoal da loja, que foram do mais prestativo e atenciosos possível, mas sim aos melgas a que o pessoal da loja tem que ligar para resolver praticamente qualquer problema ou situação que envolva terminar a relação comercial com a empresa.

Juro que ainda não percebo praqueraios existe uma loja MEO, se no caso duma reclamação com a factura, saber se já desligaram o serviço de internet ou terminar o contracto o pessoal da loja TEM que ligar prá empresa.

E essa ainda não é a melhor, nós que somos obrigados a nos dirigir à loja também temos que falar com o pessoal no outro lado da linha. Mas ca'raio? ~X

No fim e após horas de conversa onde me quiserem impingir outros serviços/promoções, mesmo eu quase gritar que não estava interessado em nada e que só queria era saber como terminar o contracto com eles e que raio se passava com a factura de serviços que não tinha usufruído, lá me disseram que em relação à televisão ainda tinha que cumprir um período de fidelização ou pagar uma penalização. Em relação à factura, admitiram que não usei a pen para comunicar e que não tinha usado o serviço mencionado e que iam ver o que se passava e logo me davam uma resposta.

Entretanto como em relação à Net, não havia período obrigatório de permanência na MEO a minha mãe mandou terminar esse serviço, que seria hoje (30 de Junho) o ultimo dia. Mas afinal informaram-me hoje na loja que só termina no dia 30 de Julho. Nada de muito importante já que vai terminar na mesma, e o mesmo vale para o serviço de televisão que seguirá pelo mesmo caminho assim que possível.

Mas no passado fim de semana fui visitar a família, e qual a minha surpresa ao receber a seguinte carta da MEO:

Em resposta ao seu pedido, informamos que o valor da factura 469312096, é referente à compra/subscrição de conteúdos disponível quando o cliente navega em sites internet.

Este serviço oferece a possibilidade de compra de conteúdos à peça - compra única (ex: uma musica) ou da subscrição de conteúdos (ex: Compra de um jornal semanal).

O serviço é fornecido por um parceiro externo à PT que é responsável pela entrega e qualidade dos conteúdos. A PT é apenas o meio de pagamento para a compra do referido conteúdo.

A compra/subscrição é sempre feita na pagina do fornecedor de conteúdos e implica uma confirmação expressa do cliente.

Existe mais alguns blá blás mas o importante aqui é precisamente o que está escrito no ultimo paragrafo da carta que me enviaram (marcado a vermelho e sublinhado na citação acima).

Como me podem cobrar por um serviço que NÃO CONFIRMEI / ACEITEI / COMPREI????

E DUM SITE QUE DESCONHECIA ATÉ AGORA????

Só podem estar a gozar, não?

E mais, se este tipo de situação já acontece a outras pessoas, alguém na Meo já considerou verificar o nível de segurança dos seus serviços prestados ao cliente?

Porque para mim, só existem 3 respostas: falta de segurança online da empresa, uma serie de clientes que combinaram todos enganar a Meo com esta história ou então à Meo interessa-lhe que esta brincadeira aconteça para ir ao bolso do cliente.

Termino por aqui este desabafo que já vai longo... mas prometo actualizações para quando este novelo se desenrolar ou enrolar mais... porque uma coisa é certa: eu não vou pagar por um serviço que não pedi nem usei. x-P

Actualização dia 01 de Julho, 2014: A minha queixa contra a MEO foi publicada no Portal da queixa e pode ser lida aqui: MEO - Cobrança Indevida

Actualização dia 08 de Julho, 2014: Ao fim de quase uma semana, a MEO finalmente respondeu à queixa que apresentei:

Estamos a verificar a situação que nos reporta, assim que possível contactaremos em resposta a este assunto.

Ou seja, uma resposta básica que não diz nada e resolve coisa nenhuma. Aguardemos pelos futuros desenvolvimentos... :S

No entanto aqui fica a dica/ experiência que estou passando para quem está a considerar a MEO como opção. ~X

Actualização dia 23 de Julho, 2014: Após a queixa apresentada no Portal da Queixa e ao fim de alguns telefonemas onde a MEO tentou que eu desistisse de retirar a Banda Larga Sapo, também me informaram que não tinha que pagar a factura com o valor de €25,01 da subscrição que não tinha feito.

Isto foi me informado por telefone, porque por escrito aparentemente nada feito. No entanto há alguns dias recebi uma nota de credito no valor de €25,01 referente a essa factura. Suponho que deve ser o mais perto duma confirmação por escrito em como não devo nada que vou ver, já que não paguei esse valor e geralmente Notas de Crédito são emitidas por valores cobrados erroneamente ou em devolução de algo. :Z

Ou estou enganado? :S

Mas fica o sentimento que menciono na resposta à queixa onde declaro a situação resolvida:

Pena que foi necessário recorrer aqui para resolver uma situação que de tão recorrente que é (basta ver a serie de queixas neste portal), já deveria estar acautelada pela empresa e nos contactos com os clientes afectados deviam dar o beneficio da duvida ao cliente na resolução do problema em vez de fazerem o cliente sentir que estava em falta sem saber como.

No meu caso, como resultado desta situação desagradável mandei retirar a Banda Larga da MEO (disseram-me que dia 30 de Julho seria o ultimo dia), e a minha confiança na empresa foi severamente abalada que não adianta virem oferecer mundos e fundos não irei mudar de ideia.

Até Breve. :-F

Este Artigo foi útil?
Então se quiser, pode pagar-me um café. ;)

Comentários

Malta, comentem, tanto críticas como elogios serão bem-vindos. E eu respondo, não prometo quando mas respondo.

Mas antes de comentarem, leiam as minhas Regras dos Comentários.

Se quiserem deixar o link para o vosso sitio, utilizar alguns estilos ou até inserir videos ou imagens nos comentários DEVEM mesmo ler as indicações nas Regras dos Comentários.